segunda-feira, 20 de julho de 2009

once again

Não sei o que eu to sentindo agora.Sei que não é um sentimento novo.
Já passei por isso.to firme e denovo eu vou passar.
Coisas repetitivas não estão me agradando,mas sim, me destruindo.
Na verdade,pouco resta da minha alma.Ela vem de batalhas difíceis
e como um milagre,sobreviveu.
Eu já to cego de tanto tentar olhar mais além..o sol queima meus olhos.
e naquelas mesmas escadas do medo,eu vou subindo,só que de cabeça erguida.
só me deixa intrigado o fato da minha alma lutar.
Meu coração é o seu mais valente escudeiro.
Fantasmas do passado tentam me derrubar,mais uma vez.MAS NÃO VÃO CONSEGUIR.



"a música acabou."

...

domingo, 12 de julho de 2009

Do fundo...

Estranho como os sentimentos vem e vão ,alterando nosso estado .
é complicado descrever o que sentimos,pois tudo está tão sujeito a mudar..
nossos sentimentos são mutantes. redundante,não?!
Problemas sempre explodem juntos e sempre surgem novos..
saber lidar é complicado;saber o que dizer é mais ainda.
as vezes o silêncio é oportuno.
Tolices e idiotices são parte de um mundo normal..
ciúmes e provocações talvez passem a ser .[lamento tanto..]

e a vodka sobe a cabeça...

que tal um pouco mais de drama?
que tal mais um drink?
queria poder romper as portas da minha mente para me entender..
e entender tudo em volta.
que tal subir as escadas do medo,e nele encontrar algo perdido?
talvez monstros não sejam a resposta.
a musica de fundo me agrada
e seu sorriso mais ainda.

minha mente se une ao meu corpo.
agora,eles são um só.
meus movimentos são mais coordenados
e minha alma mais acostumada a devastaçãoes.



sem pressa,vamos nos ajustando.
talvez não no compasso certo;mas o certo é antiquado.



"Take my darkest fears and play them"

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Lepra.

Que tal um pouco de humor negro,agora?!
no dilema da vida uns caem para outros subirem.
poderia ser diretamente proporcional,ou pelo menos as pessoas deveriam compreender as outras.
nesse fucking dilema, a gente vai vivendo.
a balança pesa pro lado dos mais fortes..e os fracos,como ficam?
queria poder ajudar nisso.

só sei que no abrir da a janela,o vento sopra para todos.




"I dont wanna fall the pieces..."